Avaliação biogeoquímica de águas fluviais com ênfase no comportamento dos compostos de Nitrogênio e Fósforo Total para diagnoses de sistema aquático provenientes de monitoramentos ambientais.

Juciene Andrade Figueiredo

Abstract


O monitoramento ambiental foi feito através de coletas de água mensais durante três anos em treze pontos amostrais do Rio Doce e alguns de seus afluentes localizados na Bacia hidrográfica do Rio Doce, Espírito Santo- Brasil. Foram analisados vários parâmetros biológico-físico-químicos, cujos resultados foram avaliados em função da sazonalidade pluviométrica e influência da ocupação territorial. As matrizes de correlação mostraram relações distintas entre os compostos nitrogenados, onde o nitrogênio do nitrato (N-NO3) esteve fortemente correlacionado ao nitrogênio total (NT), enquanto o N-amoniacal esteve significativamente ligado ao fósforo total (PT). As variações sazonais para o PT mostraram elevados picos nos meses chuvosos alternados por uma queda brusca de valores nos meses secos, revelando assim a influência do transporte superficial de água sobre a bacia hidrográfica que carreia PT para os rios. As concentrações de PT foram ainda maiores nos pontos situados em aglomerações urbanas. Por outro lado, o NT apresentou variações sazonais mais lineares com eventuais picos nos meses chuvosos. Além disso, os coliformes fecais mostraram correlações significativas com N-NO3 o que é um indicativo de excesso de carga orgânica no meio. Os compostos nitrogenados estão mais dependentes dos processos oxidativos que ocorrem in situ na água, porém indiretamente pela influência difusa dos escoamentos superficiais que podem transportar compostos excedentes principalmente oriundos de agricultura. As concentrações médias encontradas para PT e NT já reportam um ambiente em processo de eutrofização cabendo desde já medidas mitigadoras para atenuar tais efeitos.


Full Text:

PDF

Refbacks

  • There are currently no refbacks.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia